domingo, 28 de agosto de 2016

ASF vence o Nadas em noite inspirada e larga na liderança

ASF fez a alegria da torcida com ótima atuação

O reencontro da ASF com seu torcedor não poderia ter sido melhor. Depois de uma pequena folga, a equipe santiaguense estreou na segunda fase da Série Bronze com uma grande vitória sobre o Nadas Branco (Rio Pardo). O 7 a 4 veio em uma noite de pura inspiração que contagiou o torcedor.

A vitória começou a ser construída logo nos minutos iniciais, quando Japa encontrou as redes para dar tranquilidade à equipe que ampliou com Batista. Bem em quadra e com a torcida jogando junto a ASF se impôs e garantiu o resultado com grande atuação coletiva e destaques individuais como Pablo, autor de três gols e Vagner, firme na defesa, autor de um gol e duas assistências.

"Foi a melhor partida do Pablo na Série Bronze e o Vagner fez outro jogo como aquele contra Salto do Jacuí, hoje fazendo gol", festejou o diretor Luciano Cardoso Vieira.

A vitória por 7 a 4 valeu ao time de Santiago a liderança do grupo 4, à frente da Uruguaianense pelo saldo de gols. As duas equipes se encontram no próximo sábado, em Santiago, para a duelar pelo primeiro lugar. Nos dois encontros anteriores a equipe de Uruguaiana venceu.

"Se jogarmos bem como hoje temos grandes chances de vencer", disse o fixo Vagner.

sábado, 27 de agosto de 2016

Largar com o pé direito que nada! Tem que ser com os dois


A ASF inicia hoje sua caminhada na segunda fase da Série Bronze diante do Nadas Branco, equipe de Rio Pardo que, assim o time de Santiago, fez campanha razoável na primeira fase. Por se tratar de uma arrancada e pela paridade das equipes não se pode admitir outro resultado que não a vitória. Não para largar com o pé direito, mas para largar com os dois pés.

Não tem como entrar em quadra hoje sem pensar que no próximo sábado o duelo é contra a Uruguaianense, e portanto bem mais complicado.

Mas acima de tudo, vencer, simplesmente pelo fato de somar três pontos, de estrear com vitória, de ganhar moral logo de cara, já basta. Larga em vantagem sobre adversários diretos é fundamental para que possamos postular uma das vagas do grupo na fase de mata-mata que vem a seguir.

Ah, não podemos esquecer do público. Com todos esses ingredientes não se imagina um ginasião sem casa cheia!


Sábado de futebol: Cruzeiro em dose tripla no Alceu Carvalho

Categorias de Base do Estrelado estão a pleno vapor. Foto: Divulgação

Neste sábado, 27, o Cruzeiro Esporte Clube terá uma tripla jornada esportiva pela frente. Todos os jogos envolvendo as categorias de base, com dois deles valendo por competições oficiais.

O primeiro compromisso marca a despedida da equipe do Gauchão Juvenil. A partida contra o Novo Horizonte, de Santa Maria, inicia as 15h.

Em seguida o Estrelado entra em campo pela Copa Santiago Regional Sub-15, também contra o Novo Horizonte. Nesta competição as equipes classificadas enfrentarão Internacional e UCS na fase semifinal. A equipe de Caxias do Sul ocupará a vaga deixada pelo Grêmio, que não pode participar este ano, mas já confirmou presença na próxima edição.

A partir das 19h acontece um amistoso de um combinado do Cruzeiro, formado basicamente por jogadores do Sub-17,
contra o Inter-SM Sub 19. O Coloradinho virá com seu time B, já que domingo entra em campo pelo Estadual, em Caxias do Sul.

Toda a programação será realizada com portões abertos no Estádio Alceu Carvalho.

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Bola Pro Futuro e Inter promovem Encontro de Aperfeiçoamento no final de semana

O projeto Bola Pro Futuro, em parceria com o Internacional, promove neste final de semana um "Encontro de Aperfeiçoamento Técnico". O evento inicia na sexta-feira e segue no sábado, quando inclui palestras sobre Gestão Esportiva, Metodologia de Trabalho com Categorias de Base e avaliação de atletas. No domingo acontece um Torneio com participação de oito equipes, incluindo o Internacional.

Inscrições para as palestras custam R$ 20. Mais informações podem ser adquiridas na secretaria do Cruzeiro Esporte Clube (3251 2062), 9131 6653 (Daniel) e 9643 4902 (Johni).

A programação será aberta na noite de sexta, na Câmara de Vereadores. 



As avaliações (sábado, das 13h30min às 17h30min) acontecem no Estádio Municipal e o Torneio (domingo, a partir das 8h) acontece no Estádio Alceu Carvalho. As equipes participantes são:

- BOLA PRO FUTURO;
- NOVO HORIZONTE (SANTA MARIA);
- INTERNACIONAL;
- BOLA BRASIL (URUGUAIANA);
- GRÊMIO ESPE (SANTIAGO);
- GAROTOS DE OURO/FRAGATA (PELOTAS);
- AJURICABA;

- NOVO HORIZONTE "B"

Confira a tabela de jogos


quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Direção da ASF garante ingresso gratuito para mulheres e sorteio de brindes na reestreia


No início da noite conversei com o presidente da ASF, Márcio Manente, que me confirmou: mulher não paga na reestreia do time de Santiago na Série Bronze, sábado, diante do Nadas Branco, de Rio Pardo.

Além da iniciativa que tem garantido excelente presença feminina nos jogos, Manente confirmou que serão promovidos sorteios ao longo da noite, com brindes de patrocinadores. Há ainda a possibilidade de a Geral do Grêmio marcar presença também com a famosa "charanga", permitia antes dos jogos e durante o intervalo.

A estreia diante do Nadas é essencial nas pretensões da ASF de avançar às quartas de final da Bronze, pois na semana seguinte o time local volta a atuar em casa, desta vez contra a Uruguaianense, dona da melhor campanha geral na primeira fase do estadual. Vitória sobre o Nadas, além de dar moral, possibilitaria, com uma segunda vitória no sábado seguinte, dar um passo gigante na busca de uma das duas vagas do grupo 4.

Para os homens o ingresso custa R$ 10.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Recomeço: ASF estreia sábado na segunda fase da Série Bronze contra o Nadas Branco

Depois de uma folga, ASF recomeça disputa da Bronze em casa. Foto: Diego Sampaio

Depois de uma semana de expectativa, a ASF volta à quadra no próximo sábado, 27, para a retomada da Série Bronze. Pela segunda fase da competição estadual, na estreia a equipe santiaguense recebe o Nadas Branco, de Rio Pardo. O adversário somou 9 pontos a mais na primeira fase, três destes em W.O. pela não realização de partida em Capão de Canoa, cujo julgamento atrasou o recomeço da Bronze. Além do Nadas, a ASF enfrentará nesta fase a AMF (Marau) e a a Uruguaianense, equipe de melhor campanha na primeira fase.

Na reestreia o técnico Moisés contará com os retornos do fixo Vagner e do pivô Felipe, que cumpriram suspensão na última diante da ACF. Batista será desfalque. O pivô deixou a equipe para se dedicar à campanha eleitoral.

Nesta segunda fase as equipes disputam seis jogos e apenas os dois melhores do grupo avançam para as quartas de final, que serão disputadas em mata-mata. No sábado seguinte, também em Santiago, a ASF recebe a Uruguaianense.

domingo, 21 de agosto de 2016

Torcer sempre, ignorar os erros jamais


Assim como na Copa do Mundo de 2014, na Olimpíada do Rio torci muito (e ainda torço, porque daqui a pouco tem vôlei masculino em quadra) pelo Brasil. Ao contrário de muitos que dizem que não podemos sediar grandes eventos assim, creio que um país do tamanho do nosso não pode deixar de organizar eventos dessa magnitude porque nossos governantes não sabem o que fazer com os recursos que têm - ou pior do que isso, sabem e não o fazem -.

Como em 2014, quando muitos torceram contra, parei para torcer e acompanhei na medida do possível os jogos de futebol. Torci muito pelo ouro da meninas e torci na mesma medida pelo ouro no masculino. Confesso que na primeira fase, como milhões de brasileiros, deu raiva ver a seleção jogando aquela bolinha, mesmo na goleada sobre a Dinamarca. A classificação chorada amenizou um pouco as fracas atuações e nos permitiu acreditar que poderíamos seguir adiante, por que não, até a final?

A partir do jogo contra a Colômbia o Brasil encontrou-se, ousou, foi mais criativo, superou as dificuldades, foi mais Brasil. Foi aí que se tornou merecedor da disputa da medalha, da nossa torcida mais entusiasmada e até do sofrimento de uma disputa por pênaltis contra a poderosa Alemanha, mesmo que ela não seja aquela mesma dos 7 a 1.

Com o Ouro no peito e com um técnico identificado com o nosso futebol é possível voar mais alto, sonhar com novas conquistas, mas, num primeiro momento, sonhar com melhores atuações e uma vaga na próxima Copa do Mundo, chegando lá com condições de disputar o título.


E assim somos, torcedores-comentaristas-blogueiros-apaixonados! Torcemos sim, mas jamais ignorando erros. Os garotos do Brasil - apesar do tom de arrogância após a conquista - mostraram isso. Provaram que quem sabe "ler" as críticas (e algumas foram muito pesadas) e revertê-las em algo positivo pode ir além, muito além. Ao topo. Já os que vivem para remoê-las e não as transformam em motivação, em força para se reerguer e dar a volta por cima, estes jamais nada além de fracassados, fracos e eternamente derrotados.


quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Série Bronze: Julgamento define AMF, de Marau, como adversária da ASF na segunda fase


Aconteceu na última quarta-feira, 17, o julgamento sobre o incidente envolvendo o jogo entre Expresso HC x Nadas Branco de Rio Pardo, que não foi realizado em virtude da falta de segurança no ginásio de Capão da Canoa em abril. 

Como já se imaginava, o Expresso perdeu os pontos, o que não alterou sua posição na zona de classificação.

Com a confirmação, a ASF finalmente conheceu seu terceiro adversário na segunda fase do Estadual Série Bronze: AMF, de Marau. Já estavam confirmados no grupo 4 a Uruguaianense e o Nadas Branco, de Rio Pardo.

A tabela de jogos da próxima fase da competição deve ser confirmada nos próximos dias. A primeira rodada acontece dia 27 de agosto.

Confira como pode ficar a tabela de jogos

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

ASF é absolvida em julgamento e não corre risco de perder mando de quadra


No início da noite desta quarta-feira, 17, a direção da ASF recebeu uma ótima notícia vinda de Porto Alegre. À tarde o clube foi julgado pelo incidente ocorrido durante o confronto com o União, de Santa Maria, em partida realizada em Jaguari. Na oportunidade, a segundos do fim da partida, um torcedor jogou cerveja no árbitro Adriano Wolf. Como o torcedor foi identificado e imediatamente retirado do ginásio, a direção registrou ocorrência e, de posse do boletim de ocorrência (BO), conseguiu evitar uma nova punição, que poderia ser mais rigorosa pela reincidência (o jogo em Jaguari era punição para um incidente idêntico ocorrido durante a segunda rodada, em Santiago).

"Estávamos tranquilos, pois o artigo é bem claro nesse sentido. Identificando o autor do fato o clube é absolvido. Infelizmente isso nos gerou custos", esclareceu o diretor Luciano Cardoso Vieira à reportagem do Santiago Esportes.

Sobre a estreia na próxima fase da Série Bronze, Luciano e os demais dirigentes vivem a expectativa sobre um dos adversários, já que Uruguaianense e Nadas Branco (Rio Pardo) estão confirmados. O diretor aguarda o resultado do julgamento para saber se a ASF terá que viajar a Capão da de Canoa ou Marau. Em relação a tabela de jogos, Luciano demonstra preocupação com o fato de que no dia 27, quando a equipe estreia na segunda fase, o Ginasião não estará disponível, pois foi cedido a um evento de danças.

"Existe a possibilidade de antecipar o jogo para a sexta-feira, mas o mais provável é que esse jogo aconteça no ginásio do bairro Missões", explicou.

A possível tabela de jogos está disponível aqui

ASF não corre mais o risco de perder o mando de quadra

ASF deve disputar dois jogos seguidos em casa na retomada da Série Bronze


Mesmo que ainda dependa do resultado de um julgalmento no tribunal da FGFS para saber quem será o quarto adversário no grupo 4, a ASF já tem algumas certezas sobre a disputa da próxima fase do Estadual Série. Além de ter Uruguaianense e Nadas Branco (Rio Pardo) como adversários, a equipe santiaguense também sabe que deve disputar dois jogos seguidos em casa na retomada da competição.

Se o julgamento desta quarta confirmar que os pontos da partida não disputada entre Expresso e Nadas, em abril, irão para a equipe de Rio Pardo, o quarto integrante do grupo 4 será a AMF, de Marau. E este seria o primeiro adversário da ASF, de acordo com o radialista e blogueiro Sandro Gonçalves. Caso o adversário após o julgamento seja a equipe de Capão da Canoa, as datas se mantêm, alterando apenas o local do jogo no returno. Em vez de Marau, o confronto seria disputado em Capão da Canoa.

Confira como ficaria a tabela de jogos

27/8 SANTIAGO - ASF X NADAS BRANCO
03/9 SANTIAGO - ASF X URUGUAIANENSE
10/9 MARAU - AMF X ASF
17/9 SANTIAGO - ASF X AMF
24/9 URUGUAIANA - AEU X ASF
1º/10 RIO PARDO - NADAS BRANCO X ASF

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Liga Futsal RS confirma adiamento do reinício do Estadual Série Bronzze


Como já se esperava, a primeira rodada da segunda fase do Estadual Série Bronze 2016 será adiada e não haverá jogos no próximo sábado, 20 de agosto.

Em nota enviada aos clubes participantes (16 permanecem na disputa) a direção da entidade explica que o julgamento da partida não realizada entre Expresso (Capão da Canoa) e Nadas (Rio Pardo) será realizado somente na quarta-feira, 17, restando, portanto, muito pouco tempo para que as equipes possam se organizar para estrear no sábado, já que o resultado do julgamento influencia diretamente na composição dos grupos, inclusive o grupo 4, onde está a ASF.

Se o julgamento apontar para a realização de um novo jogo (em abril a partida foi cancelada por falta de policiamento) o adversário que completa o grupo que tem ASF, Uruguaianense e Nadas Branco poderá contar com o Expresso. Caso os pontos da partida sejam dados ao Nadas (o mais provável), o grupo contará com a AMF (Marau).

De vantajoso para Santiago fica apenas o fato de que se tivesse que atuar em casa no dia 20, a ASF não poderia utilizar o Ginasião, cedido para um evento cultural. Nesse caso, a partida seria realizada no Ginásio de Esportes do Bairro Missões. Além disso, o técnico Moisés ganha mais uma semana para preparar o grupo para a nova fase, onde apenas os dois primeiros colocados de cada grupo avançam.

Confira a nota emitida pela Liga


domingo, 14 de agosto de 2016

Luciana Monteiro representa Santiago na arbitragem da Rio 2016


A santiaguense Luciana Monteiro, formada em Educação Física pela UFSM, está representando sua cidade natal nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Luciana iniciou sua participação esta semana na equipe de arbitragem das provas de Atletismo, em especial nas provas de Salto em Distância e Salto Triplo.


Série Bronze: ASF empata e terá Uruguaianense entre os adversários na segunda fase

Com 19 pontos em 14 jogos, ASF garantiu vaga na segunda fase. Foto: Diego Sampaio/ASF

Em jogo válido pela última rodada da primeira fase do Estadual Série Bronze, a ASF empatou em 2 a 2 com a ACF. A partida foi disputada em São Sepé, já que a equipe de Caçapava do Sul havia perdido o mando de quadra. Os gols de Santiago foram marcados por Moskito, que segue artilheiro da equipe com 14 gols. 

Na composição para os grupos da próxima fase, a ASF já conhece três dos quatro adversários. Uruguaianense e Nadas Branco (Rio Pardo). O terceiro adversário está entre o Expresso (Capão da Canoa) ou AMF (Marau). A decisão só será conhecida na quarta-feira, quando a Federação Gaúcha (FGFS) decidirá com quem ficarão os pontos da partida não ocorrida em abril por ausência da Brigada Militar de Capão da Canoa. Se for confirmado o WO contra o Expresso, o adversário que completa o grupo 4 será a AMF.

O jogo
Já classificadas, as duas equipes fizeram um jogo aberto e disputado em alta velocidade. O placar foi aberto por Moskito, que recebeu na área e tocou de cabeça. Com boas oportunidades criadas as duas equipes tiveram a oportunidade de balançar as redes, mas foi a ACF que chegou ao gol de empate nos minutos finais do primeiro tempo, com Longaray.

A história se repetiu na segunda etapa, com o jogo disputado em ritmo alucinante. A ASF voltou a comandar o placar, mais uma vez com Moskito, aproveitando passe de Piu-Piu. Assim como na etapa inicial, as duas equipes criaram inúmeras situações até que nos minutos finais, em cobrança de falta, Serginho aproveitou a falha de marcação para deixar tudo igual. A três segundos do fim, em jogada ensaiada, Moskito recebeu de Kapeta e tocou para o gol, mas a bola passou a centímetros da trave e se perdeu pela linha de fundo.

Ao final da partida, técnico, dirigentes e jogadores ressaltaram o crescimento da equipe e os resultados conquistados nas rodadas finais que garantiram a classificação entre os 16 melhores da Série Bronze.

Com 19 pontos ganhos, a ASF terminou a primeira fase em 5º no grupo 1, superado pela ACF no saldo de gols. Em 14 jogos, a equipe santiaguense conquistou 5 vitórias, 4 empates e sofreu 5 derrotas. Sob o comando de Moisés Senturião, foram 9 jogos, com 4 vitórias, 2 empates e 3 derrotas.

Na segunda fase a ASF fará parte do grupo 4, ao lado de Uruguaianense - para o qual sofreu duas derrotas na primeira fase -, Nadas Branco (Rio Pardo) e Expresso (Capão da Canoa) ou AMF (Marau). A definição sobre o terceiro adversário será conhecida após julgamento no TJD da FGFS. As equipes estão organizadas para que a próxima fase inicie somente no dia 27, permitindo assim que todos se organizem após o julgamento no meio de semana.

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Os altos e baixos de uma classificação que vale ouro


Ao longo dos 13 jogos que culminaram com a classificação com uma rodada de antecedência, a ASF passou por inúmeros percalços. Altos e baixos que valorizam a vaga conquistada para a próxima fase e que promete ainda mais emoções e dificuldades.

A equipe, que começou com o técnico Edinho, seguiu sob seu comando por 5 jogos. Uma vitória na estreia diante de um adversário que mais tarde se confirmaria o lanterna do grupo, mas com boa atuação e que serviu amenizar a estreia depois de oito anos longe das competições estaduais. No jogo seguinte, conta aquele que hoje é o melhor time da Bronze, derrota em casa e uma série de erros defensivos que deixaram o torcedor preocupado. Em Santa Maria, pela terceira rodada, o primeiro indício de "crise". Deixamos escapar a vitória contra um adversário forte, mas que até então estaria no mesmo nível, imaginava-se. Antes mesmo de chegar em casa de volta o técnico balançava pela primeira vez. Tudo se acalmou com um empate heróico no sábado seguinte, diante de Salto do Jacuí, uma das favoritas do grupo, e uma sobrevida antes de um empate frustrante contra a vice-lanterna UFSM. Foi o último jogo de Edinho.

Moisés assumiu como interino com o objetivo de retomar o caminho das vitórias enquanto a direção analisava nomes e possibilidades para o comando técnico. Uma vitória convincente em São Gabriel e ele foi convidado a permanecer. Encerrou o turno com um empate frustrante contra a ACF, mas seguiu com o aval da direção. Venceu novamente o lanterna La Máquina, fora, e foi para Uruguaiana com a confiança de que o bom futebol de Santiago poderia reaparecer a qualquer momento. Diante do líder veio a maior goleada, que nem esfriou antes de novos tropeços contra União e Salto do Jacuí, onde sofremos outra goleada, amenizada pelo fato de que o jogo seguinte, contra a UFSM, em casa, seria o foco. A vitória contra os vizinhos não foi maiúscula, mas, combinada a outros resultados nos deixou a um empate da vaga, que veio com uma atuação que entusiasmou o torcedor. Carimbamos a vaga e ganhamos de vez a confiança da torcida, apesar de toda essa espinhosa caminhada. E tem mais. Ainda é possível subir na tabela e terminar em quarto. Mas isso, nesse momento, é o de menos, pois avançar à segunda fase com tanta turbulência é uma vitória e tanto. Talvez nem reflita tanto na disputa dos próximos seis jogos, mas certamente refletirá na próxima temporada, quando as coisas se tornarão mais profissionais e o nível de cobrança será bem maior.

Quem ganhou e quem perdeu em 13 jogos
Tanta coisa aconteceu de abril para cá que fica difícil apontar, assim, em poucas linhas, quem ganhou e quem perdeu ao longo destes 13 jogos. Guardarei os detalhes para a próxima postagem (até para segurar a audiência), mas citaria o crescimento de Kapeta, os gols decisivos de Moskito, a experiência de Batista, Emerson e Batista como pontos fortes.  Ainda entre os jovens, Vanilson e o goleiro Juliano também se destacam pelo crescimento. Outro que deu a volta por cima foi o goleiro Jhon. Contestado em alguns momentos, criticado em outros, transformou-se em grande nome dos últimos dois jogos, ao defender três tiros-livres e forçar o adversário ao erro em outro. Cresce no momento certo e ajuda o técnico Moisés por saber que pode contar com um atleta motivado e disposto a entrar em quadra a qualquer momento para ajudar o coletivo.

Equipe cresceu no momento certo. Foto: Diego Sampaio

domingo, 7 de agosto de 2016

ASF vence, garante classificação, deixa ótima impressão e ainda pode ser quarto

Moskito (9) marcou quatro e Igor (2) também colocou a bola na rede. 
Foto: Éder Alves/Expresso Ilustrado

Jogando por um empate para garantir a classificação à segunda fase da Série Bronze, a ASF fez mais que isso. Venceu e convenceu. Com grande atuação coletiva e destaques individuais, a equipe santiaguense aplicou 8 a 5 no Palmeiras e agora sonha com o quarto lugar no grupo.

O jogo
Como já havia acontecido em outros jogos - incluindo o anterior, contra a UFSM - a ASF sofreu um gol nos segundos iniciais. Aos 42, Chiquinho tabelou e chutou cruzado, sem chances para Juliano. O gol não abalou a equipe santiaguense, que teve paciência para trabalhar a bola e criar as oportunidades. Mas a boa atuação do goleiro Vermelho não foi suficiente para parar Kapeta, que aos 8 minutos recebeu pelo meio e chutou de primeira para deixar tudo igual. Menos de um minuto depois, Igor roubou a bola na linha de fundo e rolou mara Moskito decretar a virada.

Aos poucos o jogo foi ficando mais tenso, com muitas faltas cometidas e algumas não marcadas pela arbitragem. Aos 13 minutos, novamente o Palmeiras encontrou espaço no sistema defensivo de Santiago e Eliel deixou tudo igual. 

Os minutos finais foram de tirar o fôlego. Kapeta, em noite inspirada colocou a ASF na frente e quando a vitória na primeira etapa parecia encaminhada, o Palmeiras se beneficiou de três tiros-livres para deixar tudo igual, em faltas bastante contestadas pelos santiaguenses. Depois de Jhon evitar o empate defendendo cobranças de falta de Chiquinho e Dinha, o próprio Chiquinho empatou na terceira tentativa, a sete segundos do fim. No lance seguinte, faltando quatro segundos, foi a vez da ASF se beneficiar do tiro-livre. Vagner chutou rasteiro e forte para decretar o 4 a 3 e o placar final do primeiro tempo.

Na etapa final a história foi diferente. Com personalidade, o time do técnico Moisés iniciou em cima e aos 5 minutos ampliou com Moskito, c0mpletando de bico a falta cobrada por Kapeta. Quinze segundos depois a dobradinha funcionou novamente. Kapeta puxou contra-ataque e rolou novamente para Moskito, que dessa vez tocou com o lado do pé para o fundo das redes.

Nos minutos finais, após Igor ampliar para 7 a 3, o Palmeiras esboçou uma reação com Eliel. Mas o tudo ou nada dos visitantes, deu a Moskito a chance de marcar mais uma vez e o camisa 9 não perdoou. Do meio da quadra ele chutou por cima de Vermelho, que estava fora do gol, para fazer 8 a 4. Chiquinho ainda descontou, mas não havia tempo para mais nada. ASF classificada, Palmeiras eliminado.

É possível ir mais longe
Com os três pontos conquistados a ASF chega a 18 pontos e alcança a ACF (Caçapava), dividindo a quarta colocação com o adversário da última rodada. O confronto que pode confirmar o quarto lugar ainda não tem local definido para acontecer, pois a ACF perdeu o mando de quadra. Certo é que a ASF contará com os retornos de Japa, Piu-Piu, Felipe e Vanilson, que cumpriram suspensão.

sábado, 6 de agosto de 2016

ASF só precisa de um empate contra o Palmeiras para classificar na Bronze

Vanilson está fora, mas experiência de Batista estará à disposição.

A ASF entra em quadra na noite deste sábado, 6, para confirmar a classificação antecipada à segunda fase da Série Bronze. Para isso, precisa somente de um empate contra o Palmeiras, de São Gabriel, adversário direto por uma das cinco vagas do grupo 1.

Com 15 pontos ganhos, a ASF leva cinco de vantagem para o Palmeiras, o que também significa que mesmo que seja derrotado neste sábado, a equipe santiaguense ainda teria uma rodada para tentar a vaga, porém não dependeria somente de seu resultado, o que torna o confronto desta noite ainda mais importante, a ponto de ser apontado pela direção como "o jogo do ano".

Para enfrentar o Palmeiras o técnico Moisés terá que lidar com as ausências de Japa, Piu-Piu, Felipe e Vanilson, suspensos, e Marcelo (dispensado). Por outro lado, contará com a experiência de jogadores como Emerson, Moskito e Batista, decisivos na partida anterior, quando a ASF venceu a UFSM.

ASF x Palmeiras inicia às 20, com ingressos a R$ 10 para homens. Mulheres não pagam. A partida tem transmissão das rádios ITU e Santiago.

Hoje é dia! É "só" o Jogo do Ano para a ASF

Chegou a hora! É hora de nossa gurizada mostrar seu valor. Hoje à noite a ASF precisa de apenas um empate, ou seja, entrar e sair de quadra sem sofrer gol, para garantir vaga na segunda fase do Estadual Série Bronze.

Sem Japa, Piu-Piu, Felipe e Vanilson, suspensos, e Marcelo (dispensado) serão necessárias muita tranquilidade dentro de quadra e paciência do torcedor do lado de fora para conquistarmos a vaga, que viria depois de meses de bastante turbulência.

A noite é de decisão, é de Jogo do Ano, então espero vocês no Ginasião pra curtir, torcer, sofrer e vibrar com a ASF rumo à classificação.


Um vídeo publicado por Júlio Martins (@soujuliomartins) em

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Confirmado: Mulheres não pagarão para assistir "jogo do ano" da ASF


O jogo do ano, como está sendo tratado pela direção, ASF x Palmeiras promete casa cheia. E para garantir que essa expectativa se confirme, os dirigentes confirmaram no início da tarde desta quinta que MULHERES NÃO PAGARÃO INGRESSO. Os ingressos custam R$ 10.

A grande expectativa em torno da partida se justifica porque com um empate a ASF garante vaga na segunda fase da Série Bronze. Com 15 pontos, a equipe santiaguense ocupa o quinto lugar na tabela, quatro pontos à frente do Palmeiras. Como depois de sábado restarão apenas três pontos em disputa, se não levar gol no sábado a ASF se qualifica para seguir adiante, eliminando o time de São Gabriel.

Além disso, uma vitória santiaguense combinada a tropeços da ACF, de Caçapava, dará ao time treinado por Moisés Senturião a chance de tentar alcançar o quarto lugar no confronto direto que acontece na última rodada.

ASF x Palmeiras inicia às 20h, no Ginasião Municipal.

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Destaque na estreia da seleção na Rio 2016, Andressinha passou por Santiago em 2015


Quem assistiu ao jogo ou viu os gols e acompanhou os noticiários depois da estreia da Seleção Brasileira de Futebol Feminino na Olimpíada do Rio de Janeiro deve ter se perguntado se a Andressinha, camisa 17 que participou diretamente de dois gols, é a mesma que em janeiro de 2015 passou pelo gramado do Estádio Alceu Carvalho durante a disputa da 27ª Copa Santiago de Futebol Juvenil.

Pois digo que sim! A gauchinha que iniciou a jogada do segundo gol e colocou a bola na cabeça de Cristiane no terceiro gol brasileiro tem 21 anos e é natural de Roque Gonzales. No ano passado ela esteve em Santiago em breve passagem, oportunidade que encarou o enlameado gramado e até deu o pontapé inicial para uma das partidas (Grêmio x Independiente del Valle). Na oportunidade, quando a entrevistei para falar sobre o futuro na seleção ela chegou a citar o sonho de disputar a Olimpíada, realizado agora.

Vamos continuar na torcida pela seleção de Andressinha, Marta e Cia. Que ela nos traga no Ouro tão esperado e merecido e que muitas portas se abram para que o futebol feminino ganhe ainda mais espaço e seja reconhecido e valorizado como merece.



segunda-feira, 1 de agosto de 2016

ASF x Palmeiras (São Gabriel) está confirmado para Santiago


A expectativa de um julgamento ao longo da semana e a possibilidade da perda de mando de quadra foi descartada e o jogo decisivo entre ASF e Palmeiras, pela sexta rodada da primeira fase do Estadual Série Bronze será disputado em Santiago. A partida acontece no Ginásio Aureliano de Figueiredo Pinto, com início previsto para as 20h.

Se vencer ou empatar a ASF confirma classificação à segunda fase. Se for derrotada, a equipe santiaguense não dependerá mais de si para ficar com a vaga. Precisaria vencer a ACF de Caçapava na última rodada e torcer para que o Palmeiras não vença o União, em São Gabriel.

Com todos esses ingredientes, certamente teremos casa cheia no sábado.

domingo, 31 de julho de 2016

Assista aos gols da vitória da ASF sobre a UFSM por 4 a 3


A ASF venceu a UFSM por 4 a 3 na noite deste sábado, 30, e se manteve na quinta colocação do grupo 1 da Série Bronze. A equipe de Santiago está a apenas um empate da classificação para a segunda fase e volta à quadra no próximo sábado, quando recebe o Palmeiras, de São Gabriel.

Assista aos gols. As imagens, montagem e edição são de José Carlos Rehbein Rosa, cinegrafista oficial da UFSM.

ASF vence e fica a um empate da classificação em noite que o camisa 10 soltou o verbo e foi dispensado

Batista abriu caminho para a vitória com um gol de peito. Foto: Elias Alfonso

Foi sofrido, mas a ASF fez o dever de casa e venceu a UFSM por 4 a 3 pelo Estadual Série Bronze. O resultado positivo conquistado diante do torcedor ainda foi suficiente para confirmar a classificação à próxima fase da competição, mas deixou a equipe do técnico Moisés a um empate da vaga já no próximo sábado, quando enfrenta o Palmeiras, de São Gabriel, em Santiago. Os gols da vitória foram marcados por Batista, Marcelo e Vanilson (2). 

O jogo
Em quadra a partida começou nervosa. Logo a 1min30seg a UFSM abriu o placar com William, aproveitando-se de um descuido da marcação santiaguense. Com dificuldades para furar o bloqueio dos visitantes, a ASF só começou a criar oportunidades claras a partir da metade da primeira etapa. Antes de balançar as redes com Batista, a equipe local havia parado em pelo menos três boas defesas do goleiro Mateus. O primeiro gol veio em um lançamento de Emerson, ainda na quadra de defesa, lançou Batista, que antecipou-se ao goleiro e tocou com o peito para deixar tudo igual.

Já melhor em quadra e pressionando, o time de Santiago chegou a virada com Marcelo, em jogada individual. Após driblar seu adversário duas vezes ele acertou um belo chute de perna esquerda, indefensável.

A segunda etapa começou com a ASF atacando e ampliando. Logo no primeiro minuto, Vanilson aproveitou o vacilo defensivo para acertar um chute preciso, no ângulo e fazer 3 a 1. Vanilson voltou a marcar aos 7 minutos, desta vez em cobrança de tiro-livre.

As coisas começaram a se complicar quando Felipe foi expulso após cometer falta no meio da quadra. Com um jogador a menos a equipe de Santiago acabou sofrendo o segundo gol. Kapeta tentou afastar e chutou no corpo de Dióser. Coom o goleiro-linha a UFSM passou a levar perigo e encostou no placar, em lance semelhante, só que desta vez foi Moskito quem tentou afastar e acerto o corpo do adversário. Após bater em William a bola foi parar no fundo do gol de Juliano, de ótima atuação.

No final as duas equipes tiveram chances de ampliar em tiros-livres, mas desperdiçaram. Vanilson chutou para Mateus defender, enquanto Raimar acertou a trave de Jhon e na tentativa de Bordignon o camisa 12 de Santiago defendeu.

Com 15 pontos e em quinto lugar, a ASF leva quatro pontos de vantagem para o Palmeiras, adversário do próximo sábado. Como após o confronto haverá apenas três pontos em disputa, um empate diante do time de São Gabriel será suficiente para garantir a equipe santiaguense na segunda fase da Série Bronze.

Após críticas, Marcelo foi desligado
A nota negativa da noite ficou por conta do desligamento do ala Marcelo, autor de um dos gols no 4 a 3. Ainda no intervalo, em entrevista às emissoras de rádio que transmitiam a partida, Marcelo fez queixas quanto às cobranças que julgava exageradas por parte da diretoria, que, segundo ele, não vem cumprindo com o prometido aos atletas. O camisa 10 também criticou a atitude da direção de demitir o técnico Edinho ainda no primeiro turno. Ao final da partida Luciano Cardoso Vieira, durante em entrevista à Rádio Itu, falou em nome da diretoria e afirmou que o jogador não faz mais parte do grupo de trabalho.


Críticas à direção durante o intervalo resultaram na saída de Marcelo. Foto: Éder Alves/Expresso Ilustrado

sábado, 30 de julho de 2016

Noite para lotar o Ginasião e empurrar a ASF para a classificação


Nem preciso dizer que hoje a noite é de decisão e a torcida de Santiago tem que lotar o Ginasião para empurrar a ASF pra cima da UFSM em busca da classificação. Uma vitória contra o time de Santa Maria, combinada a um tropeço do Palmeiras deixa nosso time a um ponto da vaga matemática para a próxima fase. E não esqueçam que mulher não paga.

Hoje resolvi dar uma mudada na chamada geral e tô convocando a turma por vídeo. Dá um play aí e vem comigo!


Um vídeo publicado por Júlio Martins (@soujuliomartins) em

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Quase 60 dias depois, ASF volta a jogar em casa e confronto com UFSM é decisivo para classificação


Lá se vão quase 60 dias desde a última que vez atuou diante de seu torcedor. Era junho véspera de Dia dos Namorados quando a ASF enfrentou a ACF, de Caçapava do Sul, pela última rodada do primeiro turno da Série Bronze. Depois daquele frustrante 6 a 6 o time santiaguense atuou três vezes como visitante e outra como mandante, mas fora de casa, até retornar ao Ginásio Aureliano de Figueiredo Pinto para o decisivo jogo contra a USFM, neste sábado (30), a partir das 20h.

Válida pela quinta e antepenúltima rodada da primeira fase, a partida é marcada pela obrigação de vitória por parte da ASF. Quinta colocada e com dois pontos de vantagem para o Palmeiras, de São Gabriel, a equipe do técnico Moisés precisa fazer o que não faz há três jogos: vencer. O resultado positivo deixa a ASF a um ponto da classificação matemática, que viria com um empate no sábado seguinte, diante do próprio Palmeiras, caso o time de São Gabriel seja derrota neste sábado pelo Salto do Jacuí.

A semana de trabalho vem sendo intensa, com praticamente todos os jogadores participando dos trabalhos a fim de encontrar o caminhos das vitórias e carimbar a classificação à segunda fase da Bronze. Se vencer os dois jogos que disputará em casa, a ASF pode chegar à última rodada com chances de terminar em quarto na classificação do grupo 1 e evitar adversários de melhor índice técnico na etapa seguinte.

Para o jogo de sábado, o ala Emerson, que cumpriu suspensão em Salto do Jacuí, e Pablo, recuperado de uma lesão no joelho, são as principais novidades. Em compensação, Japonês e Piu-Piu estão fora. Expulsos contra a Uruguaianense, eles foram julgados e terão que cumprir mais dois jogos, ficando de fora também do confronto diante do Palmeiras, no próximo sábado, em partida que poderá ser disputada fora de Santiago, caso a ASF seja punida pelo incidente em que um torcedor jogou cerveja no árbitro durante a partida contra o União, em Jaguari.

Quatro pontos atrás da equipe de Santiago, a UFSM ainda sonha com a remota vaga após duas vitórias sobre o La Máquina, de São Sepé. No primeiro turno, em Santa Maria, as duas equipes empataram em 3 a 3, resultado que provocou a demissão do técnico Edinho Pimentel.

Mulher não paga
Apesar da expectativa de um ótimo público para empurrar a equipe das arquibancadas, a direção da ASF liberou a entrada de mulheres, como aconteceu na maioria dos jogos até aqui. Homens pagam R$ 10 pelo ingresso.

Régis Zolin será diretor responsável pelas Categorias de Base do Cruzeiro


Três dias depois de anunciar sua aposentadoria do futebol profissional, o santiaguense Régis Zolin foi confirmado pela direção do Cruzeiro Esporte Clube como novo diretor das Categorias de Base. De acordo com o presidente Renato Genro, o ex-atleta terá como principal responsabilidade gerenciar o processo que colocará o Cruzeiro no hall de Clube Formador.

"É do futebol e tem conhecimento de futebol. Vai cuidar comigo da gestão do futebol do  clube, legislação para sermos clube formador, contratos com clubes, empresários e atletas", declarou o presidente.

Régis tem apenas 27 anos e disputou a Copa Santiago com a camisa do Cruzeiro. No futebol passou por clubes como Santa Cruz e Pelotas (RS), onde conquistou títulos da Copa Sul-Fronteira e Supercopa Gaúcha, além do Luverdense (Mato Grosso), onde conquistou o título da Copa Governador em 2011 e Estadual em 2012.

O último clube profissional na carreira do jovem atleta santiaguense foi o Veranópolis, pelo qual disputou a reta final do Gauchão 2016.

No Facebook, Régis anunciou a despedida dos gramados com a mensagem abaixo:

"Está se encerrando um grande ciclo em minha vida. Quero deixar aqui o meu agradecimento e gratidão àquelas pessoas que sempre me apoiaram de uma maneira ou outra nas horas boas e ruins, aos que torceram e mandaram energias positivas mesmo longe, aos presidentes, diretores, treinadores, colegas de profissão e aos grandes amigos que fiz nesse período. Refleti muito até tomar esta decisão, não foi fácil, mas acredito que foi a melhor, afinal, a vida está em movimento, como já disse Albert Einstein "Viver é como andar de bicicleta: é preciso estar em constante movimento para manter o equilíbrio".

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Inter: Charles marca golaço em treino em ganha moral para estar em campo contra o Corinthians


Desde o momento que Charles foi chamado pelo técnico Falcão para treinar com o grupo principal tenho tentado acompanhar o mais de perto possível a repercussão do trabalho do garoto de Santiago, principalmente pela proximidade de sua estreia no time de cima, com grandes possibilidades de ser domingo, diante do Corinthians. Quando não encontro alguma informação mais relevante, conto com a ajuda dos amigos para capturar informações.

A probabilidade de Charles iniciar como titular é remota, mesmo que a falta de opções aponte para isso. Falcão deve optar por jogadores mais experientes pelo momento e grandeza do jogo, evitando até que um dos jogadores mais promissores da base colorada se queime logo na estreia. Mesmo assim, as chances do santiaguense entrar em campo em algum momento da partida aumentam a cada dia de trabalho.


Charles em dividida com Alex durante treino. Foto: Bruno Alencastro/Agência RBS

Hoje, por exemplo, Charles marcou um golaço, que rendeu comentários muito interessantes por parte de profissionais que cobrem o dia a dia do Inter e de torcedores, que já acompanham o bom desempenho do garoto desde a adolescência.

Em determinado momento do trabalho Charles acertou um belo chute de fora da área, a bola tocou no travessão e foi parar no fundo do gol, para satisfação geral de todos que assistiam ao treinamento, como o repórter Sério Boaz, da Rádio Gaúcha, que registrou o gol em seu Twitter, abrindo espaço para comentários do tipo "o novo Falcão" por parte de seus seguidores.

O blog "Inferno é meu destino" também registrou o golaço de Charles, conforme registro abaixo.




terça-feira, 26 de julho de 2016

Chances de Charles Matos estrear contra o Corinthians aumentam a cada treino do Inter


Convocado no início desta semana pelo técnico Falcão, o volante santiaguense Charles Matos está cada vez mais perto de estrear com a camisa do time principal do Inter. E a possibilidade de estar em campo contra o Corinthians, no próximo domingo, são muito grandes.

Além de agradar ao técnico, um especialista na função como poucos, Charles ganha terreno com as ausências de Rodrigo Dourado (Seleção Olímpica), Fernando Bob (suspenso) e o deslocamento de Fabinho para a lateral, onde substituirá William, também convocado para defender a Seleção Brasileira nas Olimpíadas do Rio de Janeiro.

Com tão poucos jogadores da função, Falcão pode optar por recuar Anderson ou Alex, mas, caso opte por manter o esquema de jogo sem mais improvisações, o nome de Charles ganha espaço.

Por hora, certo é que ele deve estar entre os jogadores relacionados para o duelo válido pela 17ª rodada do Brasileirão, o que valoriza ainda mais o atleta de Santiago, inclusive financeiramente, já que uma cláusula contratual prevê que a cada 10 jogos relacionado para o time principal ele tem seu salário dobrado.

Charles ouve de perto as orientações do ex-craque e hoje técnico colorado.
Foto: Tomas Hammes/GloboEsporte.com

Bryan Cabezas e outros craques do Independiente del Valle foram campeões da Copa Santiago antes da final Libertadores


Já tem alguns dias que estou para fazer esta postagem, mas o tempo curto não tem permitido, então, antes que passe da hora de fazê-la, em tempos de lançamento da 29ª Copa Santiago, gostaria de compartilhar uma informação importante, que pode passar despercebida para muitos, mas atuando nessa área há tanto tempo não tenho como dar tamanha bobeira. Trata-se de alguns jogadores do Independiente del Valle, finalista da Copa Libertadores de 2017. Nesta equipe que disputa o título com o Atletico Nacional, da Colômbia, há pelo menos cinco jogadores que estavam naquela equipe campeão da Copa Santiago em 2015. Entre eles um atacante pretendido hoje pelo Grêmio.


Muitos jogadores que conquistaram a Copa Santiago agora disputam o título da Libertadores.
Foto: Ieda Beltrão/Rádio Santiago
Sonho de consumo do Grêmio, que está disposto a pagar caro para tê-lo em 2017, o atacante Bryan Cabezas, de apenas 19 anos, disputou e conquistou a 27ª Copa Santiago ao lado do goleiro Javier Nazareno, o zagueiro Anthony Landazuri - que recebeu a taça de campeão em Santiago -, o também zagueiro Carlos Cuero e o meia Sebastián Méndez.


Vou dar uma vasculhada nas fotos de arquivo da Ieda Beltrão e ver o que encontro de fotos específicas desses jogadores, mesmo que isso demore um tempinho, mas fica o registro, que comprova mais uma vez a importância da Copa Santiago para o futebol brasileiro e da América do Sul.

Presidente do Cruzeiro participa de evento da Rádio Gaúcha e Anderson Daronco pode apitar da 29ª Copa Santiago

Em entrevista à Gaúcha, Genro destacou finalistas da Libertadores que atuaram em Santiago.
Foto: Júlio Martins

Na noite desta segunda-feira, 25, o presidente do Cruzeiro Esporte Clube, Renato Genro Vielmo, participou do programada Show dos Esportes, da Rádio Gaúcha. Convidado pela equipe da emissora em Santa Maria, Genro conversou com o repórter Luciano Périco, responsável pelo quadro "Entre Amigos", sobre a 29ª Copa Santiago, que acontece de 12 a 28 de janeiro de 2017. Entre os assuntos em destaque, o presidente destacou a participação recente na competição do Independiente del Vale, do Equador, campeão em 2015, e que hoje tem cinco jogadores daquele grupo disputando a final da Libertadores da América.

Durante a passagem por Santa Maria, Genro também fez contato com o árbitro Anderson Daronco, que manifestou publicamente interesse em apitar a final da competição.


"Vamos conversar com o presidente do Sindicato e fazer o possível para que isso aconteça, já que o próprio Daronco disse que é uma lacuna na carreira dele não ter apitado a final da Copa", disse Genro.

Em entrevista ao Santiago Esportes (que ainda hoje será disponibilizada aqui), Daronco confirmou a vontade. "Me escalei", disse o árbitro, que garantiu: "Palavra dada é palavra cumprida".